Serra da Estrela completa o programa Itinerante de Valorização do Cardo

Out 1, 2021

O Centro de Biotecnologia Agrícola e Agro-Alimentar do Alentejo (CEBAL) irá concluir o Roadshow Tecnológico Nacional “Valorização Integrada do Cardo” na região DOP Serra da Estrela. Esta é a última sessão de um programa itinerante lançado em colaboração com o Instituto Politécnico de Beja (IPBeja) e a Universidade de Évora (UÉvora). Nesta sessão o papel das cardosinas, presentes na flor do cardo, na coagulação do leite e produção de queijo, bem como o impacto do queijo DOP Serra da Estrela e do cardo no turismo e economia regional serão os temas apresentados nesta sessão.

No dia 6 de outubro o Roadshow Tecnológico de Valorização Integrada do Cardo irá subir virtualmente a altas altitudes para a sua última sessão intitulada “DOP Serra da Estrela em análise”. Durante os últimos meses o programa itinerante percorreu virtualmente as regiões de produção de queijo DOP produzido com extrato da flor de Cardo (Cynara cardunculus), como o queijo DOP Serra da Estrela, com o objetivo de potenciar a valorização total deste recurso endógeno. Além do uso alimentar da flor desta planta, a mesma pode ser valorizada num todo aproveitando a sua biomassa para energia e materiais e os seus compostos para as indústrias agropecuária, alimentar e farmacêutica, sendo o objetivo desta sessão não só inovar o uso da planta na indústria queijeira, mas também promover o uso da mesma nos outros setores de interesse.

Na primeira parte da sessão o investigador Nuno Rosa da Universidade Católica Portuguesa (UCP) irá falar das diferentes cardosinas, enzimas presentes na flor do cardo que promovem a coagulação do leite e consequente produção de queijo, bem como demonstrar algumas ferramentas de análise dessas mesmas cardosinas. Em especial, será explorado como a caracterização química destas enzimas é o ponto de partida para obtermos um coagulante vegetal personalizado, de forma a ir ao encontro das especificações e características pretendidas no queijo final.

Para concluir, o evento contará com a habitual mesa-redonda, desta vez intitulada “Flor do Cardo no Queijo DOP Serra da Estrela” e dinamizada pela EstrelaCoop, a cooperativa de produtores de queijo da Serra da Estrela. Nesta mesa-redonda irá ser debatido o papel do Cardo para a potenciação do queijo DOP Serra da Estrela como produtos gourmet e certificados, bem como serão discutidos o trabalho desenvolvido e a experiência adquirida ao longo de anos na produção deste queijo de excelência: da produção de cardo à queijaria e ao turismo. Para tal, contamos com a presença dos convidados das entidades: Instituto Politécnico de Viseu, Casa da Ínsua, Queijaria Quinta de São Cosme e ALS Lifescience Portugal. Este será um debate importante para fortalecer a ligação do cardo ao queijo, como um recurso endógeno, potenciador de inovação territorial e crescimento da economia regional e nacional.

Esta sessão é aberta a todos os interessados e ocorrerá em formato online via videoconferência Zoom pelas 17h00 horas. As inscrições são gratuitas, mas obrigatórias, até ao dia 5 de outubro através do formulário: https://forms.gle/hJpZteKCqAFVmgYy8.

O programa itinerante de Valorização do Cardo está inserido no projeto CynaraTeC financiado pelo Programa Operacional Regional do Alentejo – Alentejo 2020, este é um projeto de transferência de conhecimento e tecnologia que pretende unir a investigação científica a diferentes setores industriais no apoio à valorização do Cardo.

Para mais informações consulte o site www.cebal.pt, a página de Facebook do CEBAL, ou contacte através do telefone 284 314 399.