Investigadoras do MED – CEBAL angariam prémio de inovação europeu

Jan 20, 2022

A ideia de negócio “CynaraMulch”, desenvolvida por duas investigadoras do MED – CEBAL, propõe desenvolver filmes de plástico biodegradáveis à base de extratos da planta de cardo, como alternativa aos plásticos amplamente utilizadas pelo setor agrícola. CynaraMulch conquistou o terceiro lugar na edição do ano de 2021 do programa europeu de apoio à inovação do Instituto Europeu de Inovação e Tecnologia (EIT) – “EIT Jumpstarter 2021” – na categoria das Matérias-Primas. A equipa venceu ainda o prémio “EIT Jumpstarter – X-KIC Prize”, que distingue a ideia de negócio mais multissectorial, envolvendo as áreas da alimentação, matérias-primas e ambiente. Com ambos os prémios a equipa angaria um apoio de 10 mil euros.

O EIT Jumpstarter, programa de aceleração de ideias inovadoras com potencial de negócio, contou com a participação de 548 equipas, 220 equipas selecionadas para os bootcamps no ano de 2021, sendo a equipa do CEBAL, constituída por Fátima Duarte e Teresa Brás, investigadoras do grupo de investigação dos “Compostos Bioativos”, uma das 42 equipas selecionadas para a final, que decorreu no início de dezembro.

As investigadoras participaram na competição com a “CynaraMulch”, uma ideia que começará a ser desenvolvida a partir deste ano e, com a qual pretendem produzir filmes de plástico biodegradáveis obtidos a partir de cardo (de nome científico Cynara cardunculus), uma cultura não alimentar, como alternativa às coberturas de plástico que se tornaram uma prática agrícola a nível mundial.

A utilização massiva das coberturas de plásticos na agricultura deve-se aos vários benefícios que apresentam, tais como uma maior produtividade, melhor qualidade da fruta e maior eficiência no uso da água, mas são também uma fonte importante de microplásticos, com um grande impacto na água e no solo. Desta forma, a solução inovadora encontrada pelas investigadoras, construída na perspetiva de valorização integrada do cardo com desenvolvimento de novas aplicações para esta planta, pretende chegar aos agricultores que aspirem a contribuir para a sustentabilidade agrícola e ambiental.

Para Fátima Duarte, investigadora responsável do Grupo, os prémios atribuídos “valorizam a dedicação e o conhecimento que temos vindo a criar no grupo de investigação ao longo dos últimos 10 anos, reforçando o objetivo de internacionalizar esta linha de investigação. Poderemos estar de mãos-dadas com a primeira start-up do CEBAL, a primeira de muitas assim espero”.

O EIT Jumpstarter (https://eitjumpstarter.eu/) é um programa pré-acelerador de empresas, promovido desde 2017 pelo Instituto Europeu de Inovação e Tecnologia (EIT), uma entidade da União Europeia. Esta iniciativa, dirigida aos países das regiões centro-leste e sul da Europa, pretende encontrar, promover e apoiar atividades de inovação desenvolvidas por investigadores, empresas e start-ups, nos setores da Saúde, Alimentação, Matérias-primas, Energia, Manufaturação e Mobilidade Urbana. O objetivo estratégico deste programa é criar impacto sustentável nestas regiões, impulsionando a inovação e o empreendedorismo nesta parte da Europa.

Fonte: CEBAL

Exemplar de cardo (Cynara cardunculus), do qual se poderá obter os filmes plásticos biodegradáveis ©: CEBAL

Exemplos de filmes plásticos utilizados na agricultura a nível mundial ©: Getty Images/iStockphoto